Aprenda a transferir a dívida para outro banco

Classifique esse post

Diversas pessoas possuem dívidas, isso não é uma exclusividade de pessoas mais pobres ou com menor poder aquisitivo, pelo contrário o número de empréstimos realizados por uma pessoa com um patrimônio elevado é ainda maior, já que qualquer imprevisto é calculado com valores ainda maior.

Mas existem algumas estratégias que podem ser utilizadas a fim de ajudar com um empréstimo, dar uma folga no seu orçamento ou até mesmo ajudar para limpar o nome sujo, a portabilidade de dívidas.

Se a sua grande questão é como transferir a dívida de um empréstimo para outro banco? Alguns pontos podem ser sanar as grandes complicações.

Portabilidade de dívidas

A portabilidade ou transferência de dívidas é um direito dos consumidores mas com uma regulamentação que pode ser um tanto confusa para algumas pessoas, o que dificulta bastante todo o processo. Mas vamos aos principais pontos.

Ao realizar a portabilidade de uma dívida, apenas as taxas de juros podem ser alteradas, ou seja, ao transferir uma dívida de um banco para outro o valor referente ao empréstimo e o prazo de pagamento devem permanecer os mesmos do banco anterior.

Como isso pode me ajudar?

Mas então porque migrar uma dívida de um banco para o outro, como isso pode me ajudar?

A questão é bem simples, para a instituição financeira é interessante que você possua uma dívida com eles, esta é a maior fonte de renda deles, as taxas de juros. Quando você realiza a portabilidade de um empréstimo, você está basicamente escolhendo qual banco terá o privilégio de contar com a sua dívida e também o seu dinheiro, podendo escolher inclusive a instituição financeira que apresenta a menor taxa de juros.

Caso uma pessoa tenha realizado um empréstimo no passado e nota que os juros praticados no passado são muito elevados em relação as taxas de juros praticadas no dia de hoje, e por esse motivo pode ser uma boa ideia esta pessoa realizar a portabilidade dessa dívida para outro banco, com a intenção de reduzir esse valor.

Como funciona a portabilidade de dívida

Uma vez que você escolheu o banco para transferir a sua dívida, o novo banco realizará o pagamento da sua dívida, junto ao antigo banco e você passa a dever à nova instituição financeira da sua preferência. O Banco que possuía a dívida antiga é obrigado a aceitar o processo e no entanto o novo banco pode se negar a receber a nova dívida, mesmo que isso não seja uma pratica muito comum. Neste caso será necessária uma negociação entre as partes.

Então se a sua pergunta era “Como transferir a dívida de um empréstimo para outro banco?” boa parte das suas dúvidas foram sanadas, e não só é possível, como é uma pratica que, além de ajudar na sua educação financeira, lhe dá a possibilidade de escolher para qual instituição você deve pagar as taxas de juros.

Escreva seu Comentário